O que é injeção eletrônica? Entenda como funciona! Blog DRS CAR

DRS Car – Serviços Automotivos

20 anos de experiência em mecânica automotiva

DRS Car – Serviços Automotivos - 20 anos de experiência em mecânica automotiva
O que é injeção eletrônica? Entenda como funciona! Blog DRS CAR

O que é injeção eletrônica? Entenda como funciona!

O que é injeção eletrônica? Entenda como funciona.

Fonte: Clifford Thames

A injeção eletrônica é um componente que auxilia a diminuir a emissão de poluentes e a trazer mais economia no consumo de combustível. Por isso, hoje em dia, ela é obrigatória em todos os veículos brasileiros. Apesar dessa importância, muitos motoristas ainda não entendem bem o seu papel e funcionamento.

Pensando nisso, nós, aqui da DRS CAR, resolvemos trazer uma explicação bem completa sobre o que é injeção eletrônica e como ela funciona. Confira!

O que é injeção eletrônica?

A injeção eletrônica é o sistema responsável pela alimentação de combustível e controle dos componentes eletrônicos do motor durante o funcionamento do carro. Com essas funções, é capaz de fazer com que seja enviada ao motor apenas a quantidade necessária de combustível, tornando a mistura de combustível e ar (chamada de mistura estequiométrica) mais eficaz nas faixas de rotação (voltas por minuto de um motor).

Como funciona a injeção eletrônica?

Todo o funcionamento inicia pela ECU (Unidade de Controle do Motor), que controla tudo o que acontece na injeção eletrônica. O sistema é composto por dois principais itens, os sensores e os atuadores, como explicaremos melhor abaixo:

  • Sensores: através de sensores espalhados pelo motor, o sistema faz a leitura das condições do ambiente e do próprio motor, e depois analisa as informações. Isso tudo fica gravado na memória e, a partir do que se observa, são enviados comandos para os atuadores do motor.
  • Atuadores: estes, então, recebem os dados que foram enviados pela unidade de comando e atuam diretamente no sistema. Sua finalidade é controlar o volume de combustível que o motor recebe, o ponto de ignição e a marcha lenta.

É a partir de todo esse processo, feito repetidas vezes por minuto, que o rendimento do carro e a economia no consumo são aumentadas, tendo menor emissão de gases poluentes.

Você sabia?

O sistema de injeção eletrônica foi criado para substituir os antigos carburadores. Isso porque eles eram menos eficazes na realização das suas funções e traziam um impacto muito mais negativo para o meio ambiente. É por isso que a indústria automotiva adotou a injeção eletrônica de vez e agora ela é obrigatória em todos os veículos fabricados.

E a manutenção do sistema?

Muitas vezes, mesmo com problemas na injeção eletrônica, o carro continua funcionando sem dar sinal de que algo está ocorrendo. É aqui que entra a dica de estar sempre atento ao seu veículo! Por isso, cheque com frequência a luz de injeção eletrônica no painel do carro, pois ela pode ser um indicativo de problemas mais sérios.

Saiba o que fazer quando a luz da injeção eletrônica acende!

Fora esses casos mais urgentes, nas revisões programadas – que devem ser feitas a cada seis meses ou 10 mil quilômetros – normalmente se é verificado o sistema de injeção eletrônica. E uma recomendação para evitar futuros problemas é utilizar combustível de qualidade!

Agora que você já sabe o que é injeção eletrônica e entende o seu funcionamento, basta ficar atento ao painel e sempre fazer as revisões no tempo recomendado pelo fabricante. Conte com a DRS CAR para deixar o seu carro na mão de profissionais qualificados!

Categoria: Manutenção

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


oito + 8 =